Restabelecimento da dimensão vertical de oclusão através da confecção de overlay: Relato de caso clínico

Lorena Rosa Vieira Gomes, Carolina Borges de Sousa, Germana de Villa Camargos, João Edson Carmo de Oliveira

Resumo


A redução da dimensão vertical de oclusão (DVO) normalmente está associada à perda da estabilidade oclusal, erosão ácida e/ou à presença de parafunção, resultando na disfunção do sistema estomagnático. Frente a isso, torna-se necessário o restabelecimento dessa durante procedimentos reabilitadores. Deve ser feito primeiro com próteses temporárias, que permitem a devolução da função fisiológica e orientam a reabilitação definitiva. A overlay é uma prótese parcial removível modificada que recobre a face oclusal e/ou incisal dos dentes para apoio e sustentação, possibilitando a recomposição e estabilização do plano oclusal e condicionamento muscular. Esse paciente procurou a clínica da Universidade Federal de Uberlândia pelos problemas funcionais e estéticos. Realizados os exames, verificamos comprometimento estético devido à redução do terço inferior da face, desgaste dental severo, ausência de dentes posteriores, e consequentemente DVO reduzida, embora sem dor. Assim, optou-se por confeccionar a “overlay” previamente à reabilitação definitiva, para permitir a acomodação fisiológica dos componentes do Sistema estomatognático frente ao restabelecimento da DVO. Seguiu-se com moldagem, determinação da DVO, montagem em articulador semi-ajustável, enceramento, inclusão, acrilização e instalação. Após o período de controle, foi verificado conforto do paciente, estando apto a ser reabilitado definitivamente com a DVO instituída.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.