Importância da Análise Imaginológica e a História Natural da Doença no Diagnóstico em Endodontia - Relato de caso

Elisa Machado Cunha, Anderson José de Jesus

Resumo


O diagnóstico é a essência na definição e estruturação de um tratamento endodôntico. Obter o maior número de informações possíveis através da anamnese e do exame clínico ajuda a compor as respostas que levam ao correto diagnóstico. O cirurgião dentista precisa ter um feeling capaz de identificar e distinguir as possíveis alterações pulpares através da história natural da doença, analisando os resultados obtidos nos exames imaginológicos e clínico. Somente um exame não define diagnóstico, o processo e obtenção do diagnóstico engloba a estruturação, interpretação e identificação dos sinais e sintomas característicos de uma possível alteração tecidual e o seu processo de evolução. Nesse trabalho vamos relatar um caso clínico de diagnóstico de fratura radicular pós tratamento endodôntico, com tomografia sugestiva de fratura, porém após minuciosa anamnese, exame clínico e radiográfico observamos que a queixa de dor seria no dente adjacente ao elemento da suposta fratura, demostrando a fragilidade de diagnóstico uma vez que apenas um exame é levado em consideração. Sendo o tratamento integrado e a análise criteriosa indispensáveis no correto diagnóstico.


Texto completo:

Importância da Análise

Apontamentos

  • Não há apontamentos.