Síndrome de Berardinelli: Relato de caso clínico

Lorena dos Santos Costa, Ranyelli Souza Gomes, Késia Lara dos Santos Marques, Alessandra Maia de Castro, Fabiana Sodré de Oliveira, Danielly Cunha Araújo Ferreira

Resumo


A Síndrome de Berardinelli é uma doença autossômica recessiva rara, geralmente é diagnosticada após o nascimento. O objetivo desse trabalho foi descrever o caso clínico de uma criança diagnosticada com Síndrome Berardinelli-Seip e suas características bucodentais. Paciente do sexo masculino com a idade de 2 anos e 3 meses, recebeu o diagnóstico da referida síndrome aos quatro meses de idade. O mesmo compareceu à clínica do Projeto de Extensão de Atendimento a Bebês com Deficiência para acompanhamento odontológico com 1 ano de idade. Na primeira consulta odontológica, o paciente foi submetido à avaliação multiprofissional e na anamnese a mãe relatou que a criança possuía alteração hepática, hipertricose, asma e usava vitamina Trifan A. Ao exame clínico intrabucal verificou-se a presença de dentadura decídua completa, com presença de biofilme dental visível, sem atividade de cárie. Foi necessária a estabilização protetora ativa devido ao comportamento difícil apresentado pela criança. Realizou-se o controle do biofilme dentário por meio de orientação de higiene bucal com a mãe e a criança e escovação supervisionada. Concluiu-se que é importante a disseminação do conhecimento a respeito da Síndrome de Berardinelli e suas características bucodentais, tendo em vista uma adequada abordagem odontológica desses pacientes considerando suas alterações sistêmicas.

Palavras-chave: Berardinelli; Síndrome; tratamento odontológico.


Texto completo:

Síndrome de Berardinelli

Apontamentos

  • Não há apontamentos.