Pastas obturadoras em Odontopediatria: Hidróxido de Cálcio, pasta iodoformada e pasta com formocresol - Revisão de literatura

Mateus Quirino Pereira, Karla Cristina Santana Silva, Marília Rodrigues Moreira, Paula Katywska Gonçalves Montes, Thiago de Amorim Carvalho, Fabrício Campos Machado

Resumo


A ca?rie denta?ria e o traumatismo sa?o as principais causas da inflamac?a?o e necrose pulpar em crianc?as e tratamento endodo?ntico, sendo a pulpotomia ou pulpectomia sa?o o tratamento de escolha na presenc?a da polpa denta?ria com inflamac?a?o ou necrosada. A utilizac?a?o de pastas obturadoras e? necessa?ria nesses tratamentos, no entanto, a pasta obturadora de escolha deve possuir caracteri?sticas favora?veis ao organismo da crianc?a, possuindo qualidades como; biocompatibilidade, absorc?a?o ra?pida quando extravasada, propriedades antibacterianas e ainda ser de fa?cil remoc?a?o e aplicac?a?o, na?o podendo a mesma ser to?xica, mutage?nica ou irritante para os o?rga?os denta?rios. O presente trabalho aborda a importa?ncia do conhecimento sobre as pastas obturadoras, as quais, podem danificar a formac?a?o da dentic?a?o permanente. Aqui abordaremos tre?s pastas obturadoras de uso comum em dentes deci?duos, sendo elas, a pasta de Hidro?xido de ca?lcio a pasta Iodoformada e Formocresol, analisando suas vantagens e desvantagens para o uso na odontopediatria. O objetivo deste trabalho e? analisar, por meio de uma revisa?o bibliogra?fica, as vantagens e desvantagens das pastas obturadoras Hidro?xido de ca?lcio, Iodofomada e Formocresol, para utilizac?a?o endodo?ntica e os possi?veis danos que as mesmas possam causar ao dente obturado, ao seu sucessor e aos tecidos circundantes a ele.

Palavras-chave: odontopediatria, intervenc?a?o endodo?ntica, pastas obturadoras


Texto completo:

Pastas obturadoras

Apontamentos

  • Não há apontamentos.