Traumatismos em dentes decíduos: abordagem elucidativa baseada em evidência científica

Camilla Moreira Borges, Laís Cristina Teixeira, Viviane Martins Lourenço, Marília Rodrigues Moreira, Thiago de Amorim Carvalho, Fabrício Campos Machado

Resumo


Os traumatismos dento-alveolares em dentes deci?duos, te?m sido reconhecidos como um problema de sau?depu?blica, pois apresentam alta freque?ncia dentre as leso?es que afetam os tecidos bucais. As crianc?as, especialmente na idade entre 1 e 3 anos, por apresentarem reflexos pouco desenvolvidos, sa?o as mais propensas aos traumatismos denta?rios, sendo os incisivos centrais superiores os dentes mais acometidos. Apo?s a doenc?aca?rie, os traumas sa?o o segundo motivo para a procura de tratamento odontopedia?trico. Os traumas podem ser divididos em trauma de tecido dental (trinca de esmalte, fratura de esmalte,fratura de esmalte e dentina, fratura de esmalte e dentina com exposic?a?o pulpar, fratura coronorradicular sem e com exposic?a?o pulpar, fratura radicular) e trauma de tecido periodontal ou de suporte (concussa?o, subluxac?a?o, luxac?a?o lateral (com e sem deslocamento; com ou sem mobilidade), luxac?a?o intrusiva, luxac?a?o extrusiva e avulsa?o). Traumas na dentic?a?odeci?dua podem refletir em leso?es na dentic?a?o permanente que podem variar de acordo com a intensidade e o tipo de trauma. E? imprescindi?vel o entendimento das conseque?ncias que podem originar destes traumas. Sendo assim, independentemente dos desafios e da du?vida perante a evoluc?a?o de cada caso, deve-se estar preparado para atender essas urge?ncias, proporcionando sau?de bucal aos pacientes.

Palavras-chave: Trauma em dentes deci?duos; Odontopediatria; Sau?de Bucal

 


Texto completo:

Traumatismos em dentes

Apontamentos

  • Não há apontamentos.