Infiltração marginal e penetrabilidade na utilização de materiais selantes fotoativados em molares

Dalila Diva Taveira Tomás, Renata Afonso da Silva Pereira, Ana Caroline Azevedo Alves, Cassia Gabriel e Silva Ribeiro, Carlos José Soares, Aline Aredes Bicalho

Resumo


O objetivo deste trabalho foi avaliar a integridade marginal e a penetrabilidade de tre?s materiais seladores resinosos utilizados no sulco oclusal de dentes molares (N = 5): Prev, Prevent (FGM); Fbf, Filtek Bulk Fill Flow (3M ESPE) e Vit, Vitremer (3M ESPE). Foram utilizados o Raio-X digital e a Microscopia Eletro?nica de Varredura (MEV), atrave?s de seis etapas: selec?a?o e inclusa?o das amostras, confecc?a?o dos selantes, aquisic?a?o das radiografias digitais, corte das amostras, metalizac?a?o das amostras e aquisic?a?o das imagens por MEV. As imagens obtidas pelo raio x digital foram analisadas qualitativamente, e os tre?s grupos na?o apresentaram diferenc?as entre si. As imagens obtidas pelo MEV foram analisadas quantitativamente pelo software Image J no aumento de 7000 X, e os valores obtidos de me?dia e desvio padra?o para fendas ou descolamentos na interface e fundos de sulco em micrometros para cada grupo foram: Fbf, 4,651 (0,684) B; Prev, 4,368 (0,981) B; Vit, 3,292 (0,610) A. Conclui-se que o raio x digital na?o e? um me?todo adequado para avaliac?a?o de integridade marginal e penetrabilidade em selantes oclusais, e que o grupo Vit e? o selante que apresenta menores fendas e descolamentos da interface quando comparados aos grupos como Prev e Fbf.


Texto completo:

Infiltração marginal

Apontamentos

  • Não há apontamentos.