Tratamento da disfunção temporomandibular com placas miorrelaxantes: Revisão de literatura

Felipe Bernardes Carvalho Pereira, Arnaldo Reis Mundim, Ana Luiza Serralha Veloso Vianna

Resumo


É realizado uma revisão de literatura sobre a utilização de placas oclusais na diminuição da sintomatologia dolorosa proveniente de DTMs, que apresentam etiologia multifatorial, normalmente envolvendo uma abordagem multidisciplinar para seu correto tratamento. Sua etiologia pode ser apresentada como: traumatismos, hábitos para funcionais, má oclusão, excessiva abertura bucal, doenças sistêmicas, atividades posturais inadequadas, fatores emocionais, entre outras. O tratamento com as placas oclusais mostrou que houve um efeito significativo em relação a sintomatologia dolorosa relatada pelos pacientes, que geralmente são: enxaquecas, dores de cabeça, dores e ruídos nas articulações, dificuldade de abrir a boca, de mastigar e dores de ouvido. É fundamental o conhecimento do profissional sobre DTM, para realizar um bom diagnóstico e propor o tratamento mais efetivo de acordo com cada indivíduo. No processo de qualquer terapia, lembrando Hipócrates, o dentista, em primeiro lugar, “não deve prejudicar” (LEIB, 1996).


Texto completo:

Tratamento da disfunção

Apontamentos

  • Não há apontamentos.