Distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho em cirurgiões-dentistas: Revisão de Literatura

Rafael Nunes da Fonseca, Paulo Henrique Ramos Silva, Vanessa de Souza Leite, Daiane Nogueira, Renata Pereira Georjutti

Resumo


Os distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho (DORT) correspondem a um quadro inflamatório no sistema musculoesquelético que resulta em dor e desconforto físico. Em cirurgiões-dentistas, procede da combinação de fatores ergonômicos, mecânicos e psíquicos que podem levar o profissional a afastar-se do trabalho temporária ou definitivamente, sendo, considerado pelo Ministério da Saúde como um problema de saúde pública. As regiões do corpo dos dentistas mais afetadas são a coluna lombar e cervical, pescoço e ombros. O exercício profissional obriga que dentistas utilizem na execução das tarefas os membros superiores e estruturas adjacentes, frequentemente com repetitividade de um mesmo padrão de movimento, compressão mecânica das estruturas localizadas na região, assumindo posturas incorretas, utilizando força excessiva e trabalhando sob pressão temporal. Baseado em uma revisão de literatura, este trabalho caracteriza os DORT, traça um perfil desta doença em cirurgiões-dentistas e faz recomendações sobre como prevenir ou minimizar seus efeitos. Com o objetivo de prevenir o aparecimento de DORT ou pelo menos minimizar seus efeitos, recomenda-se a utilização de equipamentos ergonomicamente corretos, alternância de consultas com procedimentos simples e complicados, pausas para descanso entre as consultas e manutenção da saúde geral do cirurgião-dentista através da adoção de hábitos saudáveis de alimentação e exercícios físicos.


Texto completo:

Distúrbios osteomusculares

Apontamentos

  • Não há apontamentos.